Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

The Daily Habit

Diário de produtividade pessoal

The Daily Habit

Diário de produtividade pessoal

A Arte da Delegação para não Chefes

Homem pensativo a olhar para o portátil

Vários métodos de gestão do tempo, como o GTD, referem a delegação como uma das táticas para se conseguir produzir mais. É compreensível que se outras pessoas ajudarem nas nossas tarefas, iremos ficar com mais tempo disponível para outras atividades.

Mas se trabalhar numa organização e não tiver ninguém a quem delegar? Como poderá mesmo assim utilizar o poder da delegação a seu favor?

A resposta a estas perguntas envolve alguma criatividade, sendo que iriei elaborar três dicas, podendo depois criar as suas próprias regras.

1. É da minha responsabilidade?

Muitas das tarefas que chegam até nós no nosso dia-a-dia são da responsabilidade de outras pessoas, que não conseguiram, ou não quiseram, dar seguimento às mesmas. Queremos ficar bem vistos com o chefe, e fazemos o que os outros não fizeram. Se o trabalho não é da nossa responsabilidade, não o devemos fazer, ponto final. Neste caso deve encaminhar o assunto para quem de direito o deve resolver.

2. Deixar o tempo passar não fazendo nada

Muitas solicitações não têm fundamento, e acabam por se resolver por elas próprias com o tempo. Por exemplo, algum colega pede-lhe ajuda porque não quer perder tempo a pensar ou a pesquisar como poderia resolver determinado situação. Se o problema não é grave, arranje uma desculpa, e deixe o seu colega encontrar a solução por ele próprio em vez de o fazer perder o seu tempo em primeiro lugar.

3. Não produzir tanto

Isto pode parecer irónico num blogue de produtividade, mas o facto de uma pessoa ser muito produtiva irá atrair ainda mais trabalho. A questão da produtividade não é tanto fazer mais trabalho de forma indiscriminada, mas ser seletivo nas tarefas que executa, com o objetivo de atingir mais rapidamente os seus objetivos. Consulte o Princípio de Pareto ou a regra 80/20 para ficar a saber mais sobre este ponto.

Espero que estas três dicas na arte da delegação para não chefes o tenham ajudado. Existem mais dicas que podem ser aplicadas. O importante é ser criativo na altura em que nos pedem para fazer alguma coisa que não contribua para os nossos objetivos, e delegar as mesmas à nossa maneira.