Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

The Daily Habit

Diário de produtividade pessoal

The Daily Habit

Diário de produtividade pessoal

Medir o que Importa de John Doerr, Resumo do Livro – As Minhas Notas

Livro Measure What Matters de John Doerr

Em Medir o que Importa – Como a Google, Bono e Fundação Gates transformam o mundo com OKRs*, John Doerr apresenta uma metodologia de desenvolvimento de objetivos designada OKRs.  Esta metodologia é responsável pelo sucesso de muitas empresas mundiais, e pode ser utilizado por todo o tipo de organizações e indivíduos.

O livro em três sentenças:

- O desenvolvimento de objetivos é essencial ao crescimento individual e das organizações, e para ser bem-sucedido deve ser inspirador e ter meios de ser medido.

- Os objetivos de curto-prazo devem ser criados trimestralmente e estar alinhados com os objetivos anuais de longo prazo.

- O sucesso do sistema reside numa revisão e melhoria contínua (semanal), acrescentando-se, eliminando-se e redefinindo-se as componentes em função da experiência adquirida e da realidade encontrada.

O que são objetivos OKR?

De acordo com o site Atiim, os OKRs pretendem responder à seguinte questão: O que podemos fazer de mais importante e com maior impacto nos próximos três meses? Trata-se portanto de uma método para estabelecer objetivos trimestrais, não se devendo identificar mais do que três a cinco objetivos para manter o sistema manejável.

O que significa a sigla OKR?

OKR é dividido em duas etapas: Objetivos (O) e Key Results ou Métricas Principais (KR).

Objetivos (O)

  • O que se pretende fazer.
  • São significativos, concretos e orientados para a ação.
  • Providenciam direção.

Métricas Principais (KR)

  • Servem de referência e monitorizam o progresso em direção aos objetivos.
  • São sucintos, específicos e mensuráveis.
  • Tipicamente incluem números.

Começar com o porquê

Para os OKRs terem hipótese de sucesso, devemos saber em primeiro lugar porque fazemos os objetivos. Uma visão clara, inspiradora e audaciosa é requerida. Os objetivos trimestrais dos OKR’s devem nascer e estar integrados com a visão, missão e planos anuais das organizações.

Num ambiente OKR os Objetivos (O) e Resultados Principais (KR) devem estar acessíveis a todos os níveis da organização, havendo uma comunicação bilateral entre superiores e subordinados.

A necessidade de acompanhamento

O progresso dos OKRs podem ser medidos semanalmente considerando três possibilidades.

  1. Luz verde: os KR estão conforme previsto. Continuar como até então.
  2. Luz amarela: os KR estão atrasados em relação ao previsto. Identificar os obstáculos e modificar as atividades de acordo.
  3. Luz vermelha: o KR está em risco. Eliminar ou substituir o KR.

Doerr dá um exemplo de medição da performance utilizando os OKR na Google, em que o sucesso do sistema é medido quando se atinge 70% da realização dos objetivos. Objetivos concretizados a 100% significa que os mesmos não foram bem definidos, e que podia-se ter ido mais longe.

Exemplo de um objetivo OKR

De seguida descreve-se um objetivo tipo com três métricas principais adaptado de Okrexample.

Objetivo (O): Criar e implementar um programa de formação interno

Métrica 1 (KR1): Entrevistar 10 chefes de equipa nas necessidades de formação

Métrica 2 (KR2): Falar com 2 outras empresas acerca das suas práticas de formação

Métrica 3 (KR3): Definir e desenvolver conteúdos para 5 módulos  de formação

Esta técnica de objetivos pode ser implementada individualmente ou em equipa recorrendo à ajuda da tecnologia.

Estabelecer objetivos OKR não é propriamente fácil, sendo uma ferramenta que é dominada com a experiência. No entanto, trata-se de um método com provas dadas nu meio empresarial, que poderá ser útil para os mais determinados, aumentando a produtividade pessoal e das organizações.

*Tradução do título original do livro: Measure What Matters: How Google, Bono, and the Gates Foundation Rock the World with OKRs de John Doerr.