Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

The Daily Habit

Diário de produtividade pessoal

The Daily Habit

Diário de produtividade pessoal

Metas de Finanças Pessoais

No artigo Como Enriquecer? Os Quatro Quadrantes da Independência Financeira de Rich Dad escrevi sobre as formas de rendimento que temos ao nosso dispor divididas em quatro categorias.

Os quatro quadrantes de Rich Dad

Empregado (E) – As pessoas que têm um emprego ou trabalham por conta de outrem.

Autónomo (A) – As pessoas que trabalham por conta própria ou criaram o seu próprio emprego.

Dono (D) – As pessoas que têm uma empresa ou negócio e colocam os outros a trabalhar para elas através de um sistema.

Investidor (I) – As pessoas que põem o dinheiro a trabalhar para elas.

Exemplo pessoal

Neste artigo dou o exemplo pessoal nestas categorias, convidando-o a fazer o mesmo exercício. É uma forma de aprender e praticar sobre literacia financeira.

Atualmente estou empregado (E) e nos meus tempos livres opero na bolsa de valores (A).

Considero a bolsa de valores como o próprio emprego (A) e não como investimento (I) porque faço day trade, a forma mais ativa de negociação nos mercados financeiros que requer uma atenção plena, comprando e vendendo ações no próprio dia. É uma especie de segundo emprego em que trabalho para mim próprio.

Por outro lado, se comprasse ações de uma empresa e as mantivesse durante meses ou anos recebendo dividendos, isto era considerado um investimento (I).

Ser dono numa empresa (D) segundo Rich Dad, é uma meta que muitos poucos alcançam. Isto significa ter parte de uma empresa ou negócio com o mínimo de intervenção pessoal, colocando os outros ao nosso serviço. Aquilo a que muitos pensam ser um negócio (D) não é mais do que um emprego próprio (A) em que uma pessoa se “escalfa” a trabalhar.

Pessoalmente, não tenho o objetivo de ter uma empresa (D), nem a personalidade para tal. Ter a preocupação de criar rendimentos para pagar empregados e todas as contas de um negócio ao final do mês, não é simplesmente para mim. Talvez o leitor se reveja neste quadrante, cada pessoa é única.

Os meus objetivos de curto-prazo?

Continuar a trabalhar no meu humilde emprego (E), em que ganho pouco mas gosto do que faço, dando para pagar as contas e pouco mais.

Continuar a desenvolver a estratégia de operação nos mercados financeiros a tempo parcial (A), esperando chegar a um momento em que os rendimentos na bolsa sejam equivalentes aos do trabalho (E).

Considerações finais

Os Quatro Quadrantes de Rich Dad são uma boa ferramenta para analisarmos e estabelecermos metas de finanças pessoais.

Em função da nossa personalidade e necessidades escolhemos o quadrante ou quadrantes que queremos desenvolver: empregado (E), autónomo (A), dono (D), investidor (I). Não existem quadrantes piores ou melhores.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub