Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

The Daily Habit

Diário de produtividade pessoal

The Daily Habit

Diário de produtividade pessoal

O Mau Hábito de Falar Muito: Mais Difícil de Eliminar do que Parece

Tinha adicionado o hábito de falar menos à minha lista de verificação de hábitos a acompanhar diariamente com a rotina “ouvir o dobro, falar metade”. No entanto, está demasiado enraizado para ser tratada tão superficialmente.

A minha disposição para falar muito está relacionada com a ansiedade, uma espécie de escape ao momento com uma reação emocional nervosa, e que tem de ser tratada com o apoio da terapia comportamental que já tinha abordado anteriormente.

Esta terapia baseia-se na assunção de que os nossos comportamentos (o falar demais) estão interligados às nossas emoções (a ansiedade), e a modificação de um destes campos irá influenciar o outro.

Ao abrigo desta teoria, se reduzir a ansiedade irei falar menos. O contrário também se aplica, e se falar menos irei reduzir a ansiedade. É uma relação vencedora de ambas as partes.

A terapia comportamental tem inúmeros estudos que suportam a sua eficácia, e sei por experiência própria o quanto pode ajudar com distúrbios emocionais.

A sua aplicação é bastante simples e tem a vantagem de poder ser aplicada pelo próprio depois de uma formação inicial por parte de um terapeuta qualificado. Também existem vários cursos online disponíveis e gratuitos, embora a qualidade de cada um varie enormemente.

No meu caso específico basta registar a minha ansiedade antes e depois de cada interação pessoal. A ansiedade é avaliada de 0 a 100, correspondendo o valor 0 a nenhuma ansiedade e o valor 100 à máxima ansiedade. Conjuntamente com os níveis de ansiedade, são registados o dia e hora da interação, o que estava a fazer e com quem falava.

Mapa com exercício falar menos

Se a técnica funcionar, é de esperar que ao final de dias e semanas a fazer este exercício, tanto a necessidade de falar como a ansiedade sejam reduzidas.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D