Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Daily Habit

Diário de produtividade pessoal

The Daily Habit

Diário de produtividade pessoal

Os 3 Segredos de Produtividade do Escritor Robert Greene

Livros empilhados

Robert Greene é um escritor norte-americano de um enorme sucesso conhecido por obras como As 48 Leis do Poder, Maestria, A Arte da Sedução e As 33 Estratégias de Guerra.

Greene considera que ter energia é fundamental para o seu trabalho como escritor, de modo conseguir ser mais produtivo, e considerando as exigências da pesquisa e os cumprimentos de prazos inerentes à publicação de livros.

Depois de anos de prática a tentar dominar o processo da escrita, o autor partilha três segredos que fizeram toda a diferença na sua carreira, e o ajudaram a ser um melhor escritor, pensador e senhor do seu destino.

Segredo n.º 1 – Exercício físico rigoroso

Escrever livros é como uma maratona, sendo obrigatoriamente necessário adquirir endurance. A melhor forma de ganhar endurance é através de exercício físico rigoroso.

Isto é conseguido com atividade física diária, numa rotina que a pessoa tenha algum gosto e que faça sentido. Pode ser natação, corrida, bicicleta ou qualquer outra atividade, o importante é criar a rotina.

É necessário praticar desporto durante meses até se conseguir ver os efeitos, para dar tempo da fadiga inerente à atividade física ser substituída por uma energia produtiva.

Segredo n.º 2 – Meditação

Os mestres da meditação acreditam que o problema da maioria das pessoas é que inevitavelmente param algures, e não se desafiam continuamente.

Meditar todos os dias, ajuda a melhorar a concentração, e a combater os pensamentos obsessivos que inevitavelmente aparecem, quando se produz um trabalho intenso ao longo do tempo como produzir um livro.

Como no caso do exercício físico, os resultados só aparecem com a prática e tempo, sendo a disciplina fundamental para a continuidade destas duas rotinas.

Segredo n.º 3 - Pesquisa

Greene considera que o que o separa de outros escritores é o seu processo de pesquisa. O primeiro ano no processo de criação de um livro, é dedicado exclusivamente à pesquisa, em que lê cerca de 250 livros.

Em cada livro sublinha as passagens mais importantes e faz anotações, colocando-as em cartões de notas. Estes cartões são depois reorganizados formando os temas e a estrutura com os capítulos.

Todos os cartões têm como título o nome do livro e são codificados com cores consoante o assunto.

Conclusão

Estes três segredos ajudaram o autor a manter o momento e a obter uma grande produtividade durante períodos de extremos stress na sua carreira.

Durante a sua pesquisa, Greene concluiu que as maiores figuras na história eram alunos medíocres, e que o seu sucesso foi derivado de intenso trabalho e de uma rotina consistente, aparecendo os frutos do seu trabalho somente mais tarde nas suas vidas.

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

O que ando a ler

/

Informação legal

Este blogue transmite a opinião do autor e pode conter imprecisões. Nas suas decisões, faça a sua própria pesquisa ou procure ajuda de um profissional.